Câmara de Vereadores de Xanxerê aprova Moção de Repúdio contra a Reforma da Previdência

postado em: Sem categoria | 0

Xanxerê – A Câmara de Vereadores de Xanxerê aprovou, por maioria, uma Moção de Repúdio à Proposta de Emenda à Constituição – PEC 06/2019, que modifica o sistema de Previdência Social, estabelece regras de transição e disposição transitórias, ou seja, a Reforma da Previdência.

A Moção de Repúdio nº 12/2019 foi apresentada pelos vereadores Adriano de Martini (PT) e Lenoir Tiecher (PT), durante sessão no dia 15 de abril de 2019. Apenas o vereador Wilson Martins dos Santos (PSDB) se absteve do voto.

As Câmaras de Vereadores de Abelardo Luz, Palmitos, Nova Erechim e Galvão também já aprovaram Moções contra a Reforma da Previdência. As Moções são sugestões encaminhadas pelo SITESPM-CHR, as lideranças sindicais dos municípios e propõe aos vereadores apresentar e discutir nas Câmaras de Vereadores.

A Moção aprovada será encaminhada aos Deputados Federais e Senadores de Santa Catarina, assim como aos líderes de cada bancada e ao presidente da Câmara e do Senado, solicitando o voto contrário à Proposta de Emenda à Constituição – PEC 06/2019.

A Proposta de Emenda à Constituição – PEC 06/2019, dificulta o acesso à aposentadoria, aumenta o tempo de contribuição e de trabalho, diminui o valor dos benefícios e ameaça a existência da seguridade social (aposentadoria, benefícios da assistência social como o BPC e as políticas de saúde).

A PEC 06/2019 não combate à sonegação das empresas devedoras da previdência, mantém privilégios e incentiva a previdência privada (os planos de capitalização), que só beneficiam os banqueiros.

Confira a Moção de Repúdio aprovada pela Câmara de Vereadores de Xanxerê:

 

Moção-de-Repudio-contra-a-reforma-da-previdencia

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quatro × 5 =